By continuing to browse this site, you agree to our use of cookies. Read our privacy policy

Responsável de Relações Externas (Roster Guinea Bissau)

Bissau (Guinea-Bissau)

  • Organization: WHO - World Health Organization
  • Location: Bissau (Guinea-Bissau)
  • Grade: P-3, International Professional - Internationally recruited position - Mid level
  • Occupational Groups:
  • Closing Date: 2020-12-05

Click "SAVE JOB" to save this job description for later.

Sign up for free to be able to save this job for later.

Objectivos do programa

A unidade de relações externas do Escritório de País reforçará a posição do mesmo na mobilização de recursos, acções de sensibilização e parcerias com os parceiros relevantes, incluindo entidades não estatais. O Responsável de Relações Externas exercerá a função de assessor principal ao Representante da OMS e ao respectivo Escritório de País nas actividades de mobilização de recursos, acções de sensibilização e parcerias. Enquanto membro essencial da Equipa da Direcção do Escritório de País, o Responsável de Relações Externas irá gerir a coordenação, expansão, desenvolvimento e supervisão do financiamento e das parcerias associadas ao Escritório de País.

Finalidade do Cargo:

Ao nível nacional, o titular do cargo deverá elaborar e implementar um plano de mobilização de recursos para o país com base nas necessidades manifestadas nos planos de apoio ao mesmo; Fazer pesquisas sobre doadores existentes e potenciais; elaborar e apresentar propostas, briefings aos doadores, relatórios e informações actualizadas; garantir o cumprimento dos requisitos da OMS e dos doadores. Coordenar as actividades em geral e do dia-a-dia para assegurar um financiamento rápido e sustentável à implementação eficaz dos planos de apoio ao país e garantir a apresentação de relatórios rigorosos e oportunos.

Resumo das funções atribuídas

serão atribuídas ao titular do posto algumas ou todas as seguintes responsabilidades, que serão executadas conforme necessário e apropriado ao programa.

  1. Elaborar e implementar um plano de acção inovador de mobilização de recursos para o Escritório de País, para garantir o financiamento sustentável das actividades principais e de emergência.
  2. Investigar os interesses e as condições de candidatura a financiamento dos principais doadores e de outras fontes de financiamento para o país. Elaborar e apresentar propostas, briefings aos doadores, relatórios e informações actualizadas para garantir a comunicação oportuna e rigorosa de informações;
  3. Manter relações com os parceiros através de abordagens inovadoras (p. ex., apresentar briefings trimestrais aos doadores); comunicar de forma concisa, clara e convincente a orientação estratégica anual/bienal da OMS; contribuir proactivamente nas negociações para agilizar os acordos com os doadores;
  4. Supervisionar as actividades gerais relacionadas com a mobilização de recursos, gestão de subvenções, necessidades e lacunas de financiamento, e os processos de adjudicação. Manter os cronogramas e os marcos dos projectos; analisar a informação sobre as actividades dos projectos e monitorizar os progressos para as metas estabelecidas, recorrendo a diversas bases de dados de gestão de projectos;
  5. Articular-se com os Escritórios Regionais para garantir as autorizações necessárias, incluindo autorizações jurídicas e financeiras para propostas e acordos com os doadores antes da sua assinatura.
  6. Gerir múltiplas tarefas ao longo do ciclo de vida do projecto; monitorizar as taxas de implementação e os prazos para a apresentação de relatórios e garantir que as actividades e as despesas estão alinhadas com os termos e condições estabelecidos nos acordos individuais com os doadores; trabalhar em estreita colaboração com os funcionários técnicos e das unidades de compras, logística e RH para monitorizar a implementação geral dos projectos no Escritório de País.
  7. Articular-se com agências de coordenação no país para garantir que o Escritório de País participa em actividades de mobilização de recursos ao nível de todo o sistema e que colabora eficazmente com os funcionários dos Fundos Comuns Nacionais para assegurar o financiamento a partir destas fontes;
  8. Em coordenação com o Responsável de Comunicação, utilizar eficazmente os produtos de comunicação para informar os doadores sobre o sector da saúde, as estratégias e o trabalho da OMS para incentivá-los a financiar a resposta global do sector da saúde às populações afectadas e as propostas e planos estratégicos da OMS;
  9. Desempenhar quaisquer outras funções pertinentes, conforme exigido pelo supervisor.

PERFIL DE RECRUTAMENTO

Educação (Habilitações):

Essencial: Licenciatura em Ciências Sociais, Relações Internacionais, Ciências Políticas, Administração de Empresas, Comunicação, Marketing, Gestão ou Economia de uma instituição acreditada/reconhecida.

Desejável: Estudos específicos em mobilização de recursos, criação de parcerias, e estudos sobre desenvolvimento e/ou trabalho humanitário. Formação em recolha de informação sobre doadores, redacção de propostas e gestão geral de projectos.

Experiência:

Essencial: Pelo menos cinco anos de experiência a nível nacional e internacional em mobilização de recursos e relações externas. Realizações documentadas em actividades de mobilização de recursos

Desejável: Experiência na OMS, noutras agências da ONU ou numa área equivalente. Experiência de trabalho em contextos de emergências.

Aptidões e competências funcionais:

  • Excelentes competências interpessoais, organizativas e de representação, com capacidade comprovada para facilitar e reforçar o envolvimento e a colaboração com toda uma variedade de parceiros internos e externos.
  • Sucesso comprovado na mobilização de recursos, complementado com a capacidade de conceptualizar ideias e promover o consenso.
  • Excelentes capacidades analíticas e de escrita.
  • Integridade, tacto e discrição.
  • Capacidade para trabalhar e atingir os objectivos sob pressão.

Competências

  1. Comunicação
  2. Garantir a utilização eficaz dos recursos;
  3. Criar e promover parcerias em toda a Organização e não só;
  4. Produzir resultados
  5. Trabalho de equipa

Línguas:

Essencial: Excelente conhecimento de Inglês

Desejável: Bom conhecimento pratico de Francês e/ou do Português

REMUNERAÇÃO

A OMS oferece um atraente pacote de remuneração que inclui, entre outros, um salário anual líquido de 60,962 dólares americanos (sujeito a deduções para contribuição para pensões e seguro de saúde), prestações de dependência, plano de pensões, seguro de saúde e 30 dias de férias anuais.

INFORMAÇÃO ADICIONAL

- Esta vaga pode ser utilizada para preencher um cargo semelhante no mesmo grau.

- Só serão contactados aqueles cujas candidaturas forem seriamente consideradas.

- Um teste escrito poderia ser usado como forma de rastreio.

- Se a sua candidatura for seleccionada para uma entrevista, ser-lhe-á pedido que produza antecipadamente um cópia

digitalizada do atestado, diploma ou certificado exigido para o cargo.

A OMS considera apenas os diplomas de ensino superior obtidos numa instituição acreditada ou reconhecida na Base de Dados Mundial de Instituições de Ensino Superior (WHED), sendo a lista de instituições reconhecidas actualizada pela Associação Internacional de Universidades (IAU) ou pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência

e Cultura (UNESCO). A lista pode ser acedida em http://www.whed.net/. Alguns certificados profissionais ou patentes podem não ser incluídos no WHED, e serão, portanto, serão considerados caso a caso.

- Todas as nomeações/extensões devem estar em conformidade com o Estatuto do Pessoal, as Regras do Pessoal e o Manual da OMS.

- Para informações sobre as operações da OMS, por favor visite: http://www.who.int.

- A OMS está empenhada na diversidade no seio do seu pessoal.

- A OMS é um ambiente não fumador . A Organização não recruta utilizadores de tabaco sob qualquer forma seja ele qual for.

· A OMS possui uma política de mobilidade que pode ser encontrada no seguinte link: http://www.who.int/employment/en/.

o

Os candidatos recrutados da OMS para um cargo internacional estão sujeitos à mobilidade e podem ser designados para qualquer atividade ou posto de serviço da Organização em todo o mundo.

- As candidaturas de mulheres e nacionais de Estados não-membros, bem como sub-representados, são particularmente encorajadas.

We do our best to provide you the most accurate info, but closing dates may be wrong on our site. Please check on the recruiting organization's page for the exact info. Candidates are responsible for complying with deadlines and are encouraged to submit applications well ahead.
Before applying, please make sure that you have read the requirements for the position and that you qualify.
Applications from non-qualifying applicants will most likely be discarded by the recruiting manager.
Apply

What does it mean?

Click "SAVE JOB" to save this job description for later.

Sign up for free to be able to save this job for later.